06/12/2014

Os pantomineiros


Um governo sem coordenação (2)l






1. A cláusula de salvaguarda do IRS, uma promessa de Passos Coelho, ficou pelo caminho. Alegadas dificuldades técnicas do sistema informático do fisco levaram Paulo Núncio a pedir aos deputados que não fizessem caso da promessa do pantomineiro-mor. Passos Coelho, segundo o tablóide do pequeno grande arquitecto, foi apanhado de surpresa pelo finca-pé do ajudante que Paulo Portas colocou na pasta dos Assuntos Fiscais.

2. O vice-pantomineiro anuncia que quer «restaurar a Restauração». O pantomineiro-mor contra-ataca: «não está nas previsões do Governo» reavaliar feriados.

3. Paulo Portas recusou liminarmente na Assembleia da República um inquérito à atribuição dos vistosgold, sob o pretexto de que tal averiguação poderia criar «imprevisibilidade» no sistema. A ministra da Administração Interna ignorou Paulo Portas e determinou a abertura de um inquérito ao «procedimento de concessão» dos vistos gold

Sem comentários: