01/07/2017

Tancos - roubo de armas e do material de guerra


Lascismo e deixa andar, foi assim o que aconteceu em Tancos, e não venham dizer que é por falta de verba que as vedações não podiam ter sido reparadas e o capim removido com o próprio pessoal do quartel.
Não h+a equipamento de engenharia para lavrar e limpar aquele matagal que envolve as vedações e os paióis?
O mapa das rondas aos paióis?
Marcelo Rebelo de Sousa, tão lesto a falar sobre todos os temas, onde estão as suas declarações?
E as do Chefe do Estado maior das Forças Armadas?
Deveriam ter demitido de imediato o Comandante da Unidade.
Agora devem estar a cozinhar a papelada para por as suas responsabilidade ao fresco.
Não há guerra, que faz a guarnição quando está no quartel'? Joga à "lerpa"
Em África na Guerra havia um oficial que era o responsável pela segurança da Unidade. Tinha a incumbência e essa responsabilidade.
Em Tancos não há?

Cópia dum comentário sobre o roubo  em Tancos
Quem o fez, tem toda a razão.
O primeiro a ser demitido deveria ser o Comandante da Unidade onde foi roubado o material de guerra.

""Palhaço demite-te, antes disso, demite o chefe do Estado Maior, depois manda prender o comandante da unidade de tancos, ver o que estavam a fazer os oficiais sargentos e praças presentes naqula unidade, se é que estavam lá algum, isto de termos tropa macaca da nisto, os responsáveis todos metidos nos calabouços, o que se roubou dá para esfarrapar, 100 vezes o numero de pessoas mortas no incêndio de Pedrogão, isto pode originar milhares de mortos, não brinquem com coisas sérias, não foram roubadas, as granadas, para ir apanhar trutas,foram roubadas para desgraçar muita gente, matar muita gente, espero que estes palhaços tanto a nível pulitico, como a nivel militar tenham a noçao do que aconteceu e sofram as consequências.""

Sem comentários: