21/07/2017

Médicos - aldrabões, vigaristas e... muito mais.

A cartilha que juram quando no inicio da sua profissão é lançada às urtigas?
Para muitos, certamente que sim.
A entrada para os cursos de medicina, tendo apenas como valoração as notas aferidas para a entrada nas universidades, por si só não chegam para que no futuro naquela profissão, aliás como em todas, possa sair um profissional competente e valoroso.

A apetência para a profissão passa por colocar em prática outros atributos que não são medidos pelas escalas de valores que dão acessos às universidades.
Talvez por isso saiam maus profissionais que para angariar os valores monetários que se acham no direito de ter, sentem a obrigação de praticarem a profissão da desonestidade.

Sem comentários: