07/07/2015

Socrates contra a troika

O mantra falacioso dos aldrabões, dos mentirosos compulsivos, dos sofistas

Se houve alguém em Portugal que lutou contra a vinda da troika em 2011 foi o 1º ministro José Sócrates. Está registado na história. E só o vergonhoso abraço duma certa dita esquerda à canalha oligárquica de direita derrubou o governo no parlamento, com o chumbo do PEC 4.
Mas não há dia em que um ou vários canalhas não insistam no mantra falacioso, desta vez pela voz do Montenegro: «O anterior 1º ministro demitiu-se, manifestou-se incapaz de continuar a governar, ele e o seu partido. Eu diria mais: ele e todos aqueles que lá estão hoje, menos ele, que não pode estar.»
Os media fazem o resto. E a canalha sem memória vai ruminando o feno que lhe põem na manjedoura.

 

Sem comentários: