20/07/2016

Reformados - Portugal no fim da tabela

O s reformados em Portugal ficam muito por baixo

 

“Um estudo realizado pela Natixis, com um âmbito de 43 países, mostra que Portugal está longe de ser um dos países que reúne as melhores condições para os reformados.

Portugal é conhecido pelas condições meteorológicas favoráveis. Condição que, como muitas notícias ao longo dos anos foram indicando, leva muitos estrangeiros a optarem por vir para Portugal quando estão reformados. Mas Portugal não é o paraíso dos reformados. De acordo com o índice global de reforma (Global Retirement Index), realizado pela Natixis Global Asset, num universo de 43 países, Portugal ocupa a trigésima quarta posição.

A tabela é liderada pela Noruega, um reino com pouco mais de cinco milhões de habitantes e com um dos maiores produtos internos brutos do mundo. Numa escala de 0 a 100%, a Noruega consegue percentagens de 90% ou acima em três índices: o da saúde, da qualidade de vida e o do bem-estar material. No que diz respeito ao índice global de reforma, Oslo obtém 86%, um valor ligeiramente acima do 84% registado pelo segundo classificado: a Suíça.

No caso helvético, apenas o indicador relativo à qualidade de vida supera os 90%. O índice relativo à saúde ascende aos 88%, o índice de bem-estar material conta com 80%. O indicador de finanças na reforma atinge os 77%.

Em terceiro lugar está a Islândia, seguida de perto pela Nova Zelândia.”

Sem comentários: