12/03/2015

Jossé Socrates - mais uma guerra contra a Justiça

Mas que Justiça é esta?

Quem são estes “trabalhadores” da Justiça se é assim que “trabalham”.

A ser verdade, pois se não engendrarem um qualquer esquema para se transformarem de maus a bons nesta fira, que lhes vai acontecer?

Os juizes, são sempre zjuizes em causa própria.

Então vamos lá ler o que está no Observador:

“Chegaram ao Hotel Real Parque, em Lisboa, com quinze minutos de atraso à hora marcada para uma conferência de imprensa que convocaram. Os advogados João Araújo e João Delille, que representam José Sócrates, sentaram-se perante dois pedidos de desculpa. E repartiram entre si os argumentos que estão em cima da mesa para justificar o pedido de habeas corpus entregue esta segunda-feira no Supremo Tribunal de Justiça.

João Araújo não poupou críticas ao Ministério Público e afirmou que o próprio procurador titular do inquérito, neste caso Rosário Teixeira, “enganou deliberadamente” o juiz de instrução, Carlos Alexandre, para que fosse ele a decidir sobre a prisão preventiva do ex-primeiro ministro. E explicou em três pontos a petição que pede a libertação imediata de José Sócrates:”

 

Sem comentários: