03/10/2015

Socrates e o segredo de justiça!

Como a Justiça goza com a Justiça.

Alguem pode acreditar nestes “justiceiros”. Será que não são penalizados?

 

Prazo para o procurador Rosário Teixeira pedir aclaração do acórdão da Relação sobre segredo de justiça terminava hoje. Mas não foi apresentado qualquer pedido e, assim, o segredo de justiça poderá cair de imediato.

 

O Ministério Público não apresentou até ao momento qualquer pedido de aclaração do acórdão do juiz-desembargador Rui Rangel. A 24 de Setembro, o Tribunal da Relação de Lisboa decretou o levantamento imediato do segredo de justiça interno no âmbito da Operação Marquês. Mas, à defesa de José Sócrates, o procurador Rosário Teixeira terá declarado a intenção de pedir a Rui Rangel uma aclaração da decisão. Tinha dez dias para fazê-lo, mas isso acabou por não acontecer.

 

Fonte da Relação garantiu ao i que não tinha chegado, até perto das 16 horas, qualquer pedido de aclaração proveniente do Departamento Central de Investigação e Acção Penal (DCIAP). A defesa de José Sócrates também confirma que não recebeu qualquer notificação em sentido contrário.

 

O passo seguinte deverá ser o levantamento imediato do segredo de justiça para a defesa de todos os arguidos e assistentes no processo, por parte do juiz de instrução Carlos Alexandre, dando sequência ao que foi decidido pelo juiz Rui Rangel há uma semana e meia.”

Sem comentários: